quinta-feira, 16 de agosto de 2007

OS ANIMAIS FICAM DE FORA


Mais um filme excelente da Amnistia Internacional.

Por falar na AI, parece que o verniz estalou entre a organização humanitária e o Vaticano. A AI decidiu defender a práctica do aborto para vítimas de violação, abrindo um diferendo com as instituições católicas que já ameaçaram cortar os apoios à organização.

Fonte: DN

Ainda sobre o aborto; Concorde-se ou não com esta práctica, acho que a Igreja Católica se devia preocupar mais com as crianças já nascidas do que com as que ainda não nasceram:

Leiam a notícia da BBC Brasil

11 comentários:

avelaneiraflorida disse...

DEFENDER A VIDA ...SEMPRE!!! sem distinções de nehuma espécie!!!

UM BOM DIA, PAPAGUENO!!!!
BJKs

Um Momento disse...

Bom dia !!
Causas que devem ser sempre defendidas sim
Quanto ao aborto... também eu concordo que se devam preocupar mais com as crianças nascidas...
O problema é que nem com as nascidas , nem por aquelas que um dia provávelmente irão nascer
Beijo ... bem aí:))
(*)

Kalinka disse...

Obrigado pelos miminhos que deixas no kalinka. Estou de acordo contigo no que escreves neste post.

Love me tender, love me sweet, never let me go.
Love me tender, love me true, all my dreams fulfill.
For, my darlin', I love you and I always will.
ELVIS PRESLEY - 30 anos depois ainda E sempre presente no Mundo.

Belas palavras estas,
para serem ouvidas,
neste momento de tanta tristeza
saúde debilitada,
coração despedaçado,
alma negra,
que certeza?
Nenhuma...

Miguel disse...

Genial ...!

Chega de descriminação ...!

Um abraço da M&M & Cª!

ANTONIO DELGADO disse...

Causas que devem ter aderencia..

...sobre o aborto a voz da igreja mantem-s fiel a si propria e não é capaz de adaptar as ideias dos seus crentes...infelizmente nada de novo!

Um bom dia com um abraço fraterno
António Delgado

wind disse...

Excelente vídeo!
beijos
PS: Já me saturei com o aborto, mas porque é que ainda ligam ao rato?

RIC disse...

E os que perturbam mais são mesmo as metáforas de animais...
Quanto aos apoios do Vaticano à AI, é mero paleio, já que quando se fala em «apoios» se pressupõe «verbas»; ora a AI não recebe nem nunca recebeu dinheiros do Vaticano.
O amor cristão e a piedade deviam levar aqueles senhores a dedicarem-se A SÉRIO à causa das crianças nascidas sem futuro! Mas isso é trabalho de campo, e não prelecção de cátedra/púlpito!...

3vairado disse...

Belo vídeo:chega de descriminar a discriminação injustificada.
Concorde-se ou não com a doutrina da igreja católica, talvez devêssemos pensar nas instituições da igreja ou por ela inspiradas que se dedicam ao apoio das crianças e dos discriminados.

pinguim disse...

Pequeno filme pleno de significado, pelas descriminações mostradas.
É pena que elas não terminem, viveríamos num mundo melhor.
Abraço.

Mário Margaride disse...

Um excelente video!

Denunciemos pois!

Um abraço

Maria disse...

As já nascidas... Sábia crítica. Nas mesmas causas. Crianças sem colo. Lembraste-me outra vez a dedicatória de Soeiro Pereira Gomes, aos homens que nunca foram meninos.

Beijinho*